img Presente do Bilionário  /  Capítulo 1 Eu já tive o suficiente de você  | 0.10%
Baixar App Lera
Histórico
img
Presente do Bilionário
Autor: Garcia Silva
img img img
Capítulo 1 Eu já tive o suficiente de você
Palavras: 1340    |    Lançado em: 23/04/2020

7 de julho do calendário chinês, dia dos namorados da China.

No contexto do céu noturno, as luzes da rua e os sinais de néon se misturam num borrão, iluminando toda a cidade.

Estava chuviscando. Uma mulher magra num vestido branco estava andando rápido na rua silenciosa, com um guarda-chuva sobre a cabeça.

Um leve sorriso apareceu no rosto da Mandy Zhou. Ela olhou para o bolo na mão direita e sorriu aliviadamente.

Hoje era o terceiro aniversário do seu relacionamento com o namorado, Daniel Zhao. Daniel foi o primeiro namorado que ela já teve, e ela o amava muito. Eles sempre comemoravam o aniversário juntos, mas hoje Daniel estava muito ocupado com o trabalho, pois não pôde passar o tempo com Mandy. Por isso, Mandy passou a tarde inteira fazendo um bolo em casa para que pudesse surpreender Daniel.

No Elegance Residential Quarters

Mandy abriu a porta e ligou a luz. A visão familiar da sala do Daniel apareceu. Ela cautelosamente colocou o bolo na mesa, com a tentativa de mostrar seu trabalho duro para o Daniel.

Quando Mandy pensou no fato de que eles estavam juntos por três anos, um sorriso feliz apareceu nos seus lábios. Ela tirou os sapatos e virou-se para entrar no quarto do Daniel furtivamente para surpreendê-lo.

De repente, Mandy ouviu um suspiro e o sorriso no seu rosto desapareceu. Ela teve certeza de que o som veio duma mulher. Com o coração batendo forte, ela permaneceu presa no mesmo local e ouviu atentamente. Um segundo depois, ela ouviu um gemido dum homem.

Definitivamente, os sons vieram do quarto do Daniel. Atordoada e com a sensação de que seus pés estavam cobertos de chumbo, Mandy estava em frente da porta com os olhos bem arregalados. Seu rosto virou vermelho, depois, pálido.

Ela reconheceu a voz do homem, foi claro.

Ela balançou a cabeça, pensando que talvez apenas estivesse imaginando coisas, mas os sons ainda permaneciam no ar. Ela não sabia que se deveria entrar na sala para pegar Daniel no local.

Enquanto isso, dentro do quarto, dois corpos estavam entrelaçados.

"Daniel, quando você vai terminar com ela?" Celine Liu perguntou suavemente, passando os braços em volta do pescoço do Daniel.

"Querida, quando nosso plano for bem sucedido, eu terminarei com ela imediadamente", respondeu Daniel, beliscando a cintura fina da Celine.

"Humph, eu fiz tudo o que eu deveria fazer, mas você ainda não se decidiu. Diga-me, você ainda está apaixonado por ela?" Celine franziu a sua testa e ficou com ciúmes subitamente.

A maioria dos homens não resistia à tentação duma mulher paqueradora, principalmente quando estava na cama com elas. Daniel não quis fazer nada para irritar Celine neste momento crucial, então ele a convenceu imediatamente. "Como isso é possível? Querida, você é a pessoa mais importante do meu coração. Olha, eu até a pedi para te fazer companhia no dia dos namorados. Então, o que você acha?"

"E se ela descobrir o que estamos fazendo aqui?" A voz sedutora da Celine era como uma faca afiada esfaqueando o coração da Mandy.

"O que estamos fazendo aqui? E daí se ela descobrir? Eu quero me livrar dessa mulher já faz muito tempo. Ela sempre parece tão pura e distante. Não tenho interesse nela. Quem pode suportar esse tipo de mulher?" Daniel bufou.

Obviamente, o tom do Daniel esteve cheio de infelicidade. Ouvindo suas palavras, Mandy finalmente percebeu que tipo de pessoa ele realmente era. A fúria que ardia no seu coração pareceu desaparecer num instante.

Ela respirou fundo para se acalmar. Depois, rapidamente, ela girou a maçaneta da porta sem hesitação.

Com um clique, a porta se abriu, revelando a visão de Celine cavalgando no namorado dela.

Assim que Daniel e Celine ouviram a porta se abrir, pararam abruptamente o que estavam fazendo.

Daniel ficou petrificado no momento em que viu Mandy. Toda a emoção que ele estava sentindo dissipou-se no ar.

Celine desceu do Daniel calmamente e olhou para os olhos da Mandy desafiadoramente como se ela fosse a verdadeira namorada do Daniel.

"Daniel Zhao, acho que você me deve uma explicação!"

Mandy disse, cerrando os dentes e fazendo todo o possível para conter as lágrimas. Nos três anos em que estavam juntos, ela nunca pensou que houvesse um problema entre eles, nem mesmo quando estavam separados um do outro por um ano.

Um relacionamento à distância foi o teste mais difícil da confiança entre os namorados. No entanto, Mandy nunca imaginou que a pessoa em quem mais confiava poderia traí-la.

Não foi até agora que ela percebeu o quão boba ela tinha sido.

'Mandy, você é uma tola', ela pensou consigo mesma.

"Mandy, agora que você viu tudo, não tenho nada a dizer. Antes de você vir, Celine e eu estávamos fazendo sexo, então... você pode sair agora."

Não havia mais nervosismo escrito no rosto do Daniel. O rosto dele estava frio como gelo agora.

Mandy estava com raiva demais para dizer uma palavra. Ela não pôde acreditar que Daniel estava mandando-a para sair, em vez de sequer pedir desculpas. Nos três anos juntos, ele nunca falou palavras tão cruéis com ela.

"Mandy, você o ouviu. Saia daqui agora. Ainda não terminamos."

Celine sorriu encantadoramente quando estendeu os braços macios e pegou o pescoço do Daniel.

"Celine, meu pai sempre te trata bem. Como você pode fazer isso comigo? Quando você estava numa posição difícil, foi meu pai que patrocinou sua universidade. E depois que você se formou, ele ainda arranjou para você um trabalho como contadora na empresa dele. Mas, em vez de agradecer a ele, você seduziu meu namorado. Você não tem medo de ser punida?" Mandy perguntou, contendo as lágrimas.

Ela não suportava vê-los juntos.

"Ha, entendo. Vocês ricos pensam que o dinheiro pode resolver tudo, não é?" Celine disse, revirando os olhos.

"Cadela!"

Ouvindo suas palavras sarcásticas, Mandy não pôde deixar de dar um tapa na Celine.

Se tivesse sido outra mulher que dormiu com o namorado dela, Mandy pôde não ter batido nela. Mas Celine estava sendo uma vadia ingrata.

As coisas aconteceram tão rápido que Celine não conseguiu reagir. Quando sentiu a palma da mão da Mandy bater na sua bochecha, seus olhos se encheram das lágrimas. "Daniel, ela me deu um tapa!" Ela reclamou.

Vendo que Mandy ainda queria fazer cenas, Daniel deu um tapa nela.

O som do tapa dele foi ainda mais alto que o da Mandy.

Atordoada, Mandy ficou parada. Lágrimas rodopiavam nos seus olhos, bloqueando sua visão.

A dor que ela sentia no seu coração era maior do que a dor na sua bochecha.

Daniel pulou da cama, endireitou lentamente as costas e disse friamente: "Pare, Mandy. Eu pedi para você sair. Você não me ouviu?"

Olhando a expressão triste no rosto da Celine, Daniel ficou perturbado.

"Como você ousa me bater!" Mandy perguntou ressentidamente, tremendo de raiva.

"Sim, eu bati em você. Saia daqui, senão eu vou te dar uma lição." Daniel olhou para ela.

Seu plano havia sido bem sucedido de qualquer forma. Ele não tinha mais motivos para ser gentil com Mandy.

"Filho da puta! Eu vou fazer você pagar pelo que você fez comigo!"

Mandy levantou a cabeça friamente e seus olhos se encheram de decepção.

Daniel levantou uma sobrancelha. "Ok, estou esperando."

'Pare de sonhar, Mandy Zhou. A partir de agora, vamos jogar um novo jogo. Você ainda acha que pode conseguir tudo o que quer apenas porque tem um pai rico?' Ele pensou para si mesmo.

"Espero que vocês dois sejam uma combinação perfeita", Mandy disse friamente antes de sair do apartamento.

Anterior
             Próximo
img
Índice
Capítulo 1 Eu já tive o suficiente de você Capítulo 2 Homem de máscara Capítulo 3 Quinhentos Capítulo 4 Crise da família Zhou Capítulo 5 Você foi longe demais Capítulo 6 Pare de sonhar Capítulo 7 Uma ligação dum estranho Capítulo 8 JS International Capítulo 9 Olhe para mim Capítulo 10 Escuta Capítulo 11 Não ouvi nada Capítulo 12 Confronto Capítulo 13 O Nathan Cruel Capítulo 14 Dá um tempo ruim Capítulo 15 Que ódio você tem Capítulo 16 Você tem medo que eu o mate
Capítulo 17 É apenas o começo
Capítulo 18 A "Pessoa Distinta"
Capítulo 19 Uma onda de hostilidade
Capítulo 20 Você já se desesperou
Capítulo 21 Lidando com um bastardo
Capítulo 22 Tarde Demais
Capítulo 23 Festa no bar
Capítulo 24 Encontro com um canalha
Capítulo 25 Você está disposta a me retribuir
Capítulo 26 É melhor você não se importar
Capítulo 27 Salvando um vídeo como evidência
Capítulo 28 Bom dia
Capítulo 29 Você é como um extintor de incêndio
Capítulo 30 É melhor ir ao departamento de psiquiatria.
Capítulo 31 A mãe do Nathan
Capítulo 32 Observe suas palavras
Capítulo 33 Um marido elegante
Capítulo 34 Eu apoiarei você
Capítulo 35 Ame-se
Capítulo 36 Apenas um copo
Capítulo 37 Mandy é para mim
Capítulo 38 Você não passará amanhã
Capítulo 39 Nathan tramou Daniel
Capítulo 40 Reunião de Família
Capítulo 41 Fofocas no Hospital
Capítulo 42 Lembrando o passado triste
Capítulo 43 Posso ter seu número de telefone
Capítulo 44 Você Merece
Capítulo 45 Mandy se muda
Capítulo 46 Nathan, quem é ela
Capítulo 47 Você está com ciúmes
Capítulo 48 Diga, e eu sou toda sua
Capítulo 49 Ele estava esperando por ela
Capítulo 50 Explique-se, por favor
Capítulo 51 Minha esposa não precisa de trabalhar duro
Capítulo 52 Mente nas nuvens
Capítulo 53 Encontrando um velho amigo
Capítulo 54 O que você fez
Capítulo 55 Um Cavaleiro
Capítulo 56 Não tenho tempo para te ver
Capítulo 57 Mandy, me desculpe
Capítulo 58 Começa a chorar
Capítulo 59 Um encontro às cegas e forçado
Capítulo 60 Chame-me Nathan
Capítulo 61 Ele queria ter tanto a riqueza quanto a beleza (Parte Um)
Capítulo 62 Queria ter tanto a riqueza quanto a beleza (parte dois)
Capítulo 63 Uma conversa franca
Capítulo 64 Não coloque esse rosto miserável na minha frente
Capítulo 65 Ameaças
Capítulo 66 Cuide dela
Capítulo 67 Não quero ser apenas amante de um homem rico
Capítulo 68 Vamos tomar banho juntos
Capítulo 69 Outra Mulher
Capítulo 70 Não faça o quê
Capítulo 71 Esquecendo a coisa mais importante
Capítulo 72 Não me seduza
Capítulo 73 Contra Ele
Capítulo 74 Diga a ele a verdade
Capítulo 75 Não podia recusar mais
Capítulo 76 Mandy vai para um encontro às cegas
Capítulo 77 Cunhada, também está aqui
Capítulo 78 Auto-humilhação
Capítulo 79 Obrigada Nathan!
Capítulo 80 Um beijo autoritário
Capítulo 81 Quem é Bruce
Capítulo 82 O Sr. Nathan se preocupa muito consigo
Capítulo 83 Vivo com meu colega
Capítulo 84 Você Chorou
Capítulo 85 Ninguém pode prejudicá-la
Capítulo 86 Seja uma médica particular
Capítulo 87 Fiona foi atropelada
Capítulo 88 Você ainda tem a audácia de vir
Capítulo 89 Desdém
Capítulo 90 Uma amante na casa
Capítulo 91 Expulso por minha garota
Capítulo 92 Eles são primos
Capítulo 93 Vou torná-la auto-suficiente
Capítulo 94 Ele não deve se apaixonar por ela
Capítulo 95 O seu rival
Capítulo 96 Um pedido impertinente (Parte um)
Capítulo 97 Um pedido impertinente (Parte dois)
Capítulo 98 Não era algo honroso
Capítulo 99 Você ainda não me conhece bem
Capítulo 100 Por favor, não faça mais perguntas
img
  /  11
img
img
img
img