img Cavaleiro Negro  /  Capítulo 1 Prólogo  | 2.04%
Baixar App Lera
Histórico
img
Cavaleiro Negro
img img img
Capítulo 1 Prólogo
Palavras: 524    |    Lançado em: 30/03/2022

– Tens que ir atrás dela – diz a minha irmã pela centésima quarta vez.

– Eu sei – dou de ombros, colocando os meus pés por cima da mesa do escritório e encaro os seus olhos azuis pegando fogo.

– “Eu sei”, foi o que disseste há dois anos e até agora nada.

Meche as mãos nervosamente.

– Eu sei o que disse – Solto um suspiro passando a mão pelo meu cabelo nervosamente.

– Então? – Levanta a sobrancelha para mim.

Leslie é tão irritante que se não fosse minha irmã já a teria matado há muito tempo, só pela boca grande.

– Então, que ainda não é a hora – Levanto e caminho em direção a janela do escritório, de onde posso ver todo o meu reino.

– Eu não escutei isso – dá uma risada amarga. – Eles irão atrás dela, e mesmo assim você fica aí sentado, nessa cadeira, sem se preocupar com a sua prometida.

Eleva o tom da sua voz, mais baixa assim que a encaro.

– Eu não me preocupo com aquela piralha, mandei os meus homens a protegerem. Isso já basta! – digo e ela balança a cabeça discordando.

– Você está se esquecendo de algo, todos nós dependemos dela e o nosso povo está perdendo as esperanças – me viro para ela.

– Oque achas que eu deva fazer?

– Ir atrás dela e trazê-la para nós. Nunca viste sequer uma foto dela – diz e mexe nalgo na bolsa em cima da mesa.

– Eu não preciso de ver uma foto dela. Minha opinião não irá mudar sobre ela –digo exasperado sem olhá-la.

– Estás mais frio, não pareces o meu irmão e sim o Cavaleiro Negro que todo o mundo teme.

Com um rápido movimento a prendo na parede com a minha mão ao redor do seu pescoço bloqueando a respiração.

– Nunca mais me chame assim aqui dentro, você sabe o que acontece quando eu perco o controlo. – digo rugimente, sentindo os meus olhos tentarem mudar de cor. Olho para Lesley e vejo medo em sua face. Os seus olhos estão brilhando com as lágrimas acumuladas. Solto o seu pescoço e ela o acaricia olhando-me magoada.

– Eu estou a voltar para o nosso irmão que está lá, a cuidar da sua prometida e da nossa empresa.

Diz séria levando a sua bolsa e indo embora. Caminho em direção a janela, mas algo me pára no caminho chamando minha atenção à mesa. Caminho até lá e vejo uma fotografia. “Deve ter sido a Leslye que esqueceu” – sobressalta-se em mim este pensamento.

Pego na foto e viro-a. Espanto, admiração e um pouco de orgulho, são os sentimentos que me tomam assim que vejo a sua foto. A sua beleza era tão surreal, sensível e tão inocente que me perguntei se ela era para mim.

Que a pora de destino está brincando comigo por me dar como prometida alguém tão oposto!

Mas de uma coisa eu tinha a certeza. Eu iria buscá-la, porque me pertence. Nem que eu tivesse que mostrar ao mundo quem é o Cavaleiro Negro de verdade.

Anterior
             Próximo
img
img
img