Lera > Moderno > Não Quebre Meu Coração

   Capítulo 24 Intenções maliciosas

Não Quebre Meu Coração Por Gilda Santana Personagens: 9413

Atualizado: 2020-05-15 00:05


"Eu sabia. Parecia assustadora, não é?" , Fiona disse, piscando para Ashley.

Num instante, Ashley lembrou-se de tudo o que a mãe do Raymond havia feito com ela. Certamente, na sua mente, ela concordou.

"Sim", ela respondeu, olhando para longe. "É por isso que devemos nos concentrar em fazer nosso trabalho em vez de fofocar. Ninguém sabe quando ela voltará", só de pensar na mãe do Raymond, um calafrio percorreu sua espinha.

"Muito bem então", respondeu Fiona, levantando as mãos como se estivesse desistindo. "Acho que voltarei ao meu trabalho", tinha a palavra "medo" escrita no todo o rosto.

"Bem, até mais", Ashley respondeu brevemente, acariciando a cabeça da Fiona gentilmente.

Depois de alguns instantes, Ashley entrou no fórum da empresa. Era o local duma discussão muito acalorada no dia anterior, mas desde que o post que tinha iniciado tudo havia sido removido, tudo já tinha se acalmado.

Ashley sabia que todos no escritório estavam curiosos sobre o que havia acontecido e queriam fazer perguntas, mas ela entendeu por que eles ficaram calados. Eles não queriam arriscar perder o emprego.

Enquanto os eventos do dia anterior se repetiam na mente da Ashley, ela se lembrou da Lena chorando pateticamente nos braços da sua mãe. 'Bem, ela voltou ao seu jeito arrogante de ser', pensou consigo mesma.

"Ashley, venha ao meu escritório. Agora", disse uma voz que Ashley nunca deixaria de odiar. Aparentemente, Lena voltou. Ashley levou um pouco tempo para levantar a cabeça e, finalmente, quando o fez, viu Lena olhando para ela com altivez.

Depois que os olhos delas se encontraram, Ashley viu Lena sorrir e entrar no seu escritório, sem dizer uma palavra.

Por mais irritada que estivesse, Ashley não teve escolha a não ser segui-la por dentro.

Lentamente, ela abriu a porta do escritório e, ao entrar, viu Lena curvada na cadeira, orgulho e arrogância pintados no seu rosto.

"Senhorita Lena, você precisa que eu faça alguma coisa?" , Ashley perguntou, fixando os olhos na Lena com um olhar entediado. Ashley não tinha conhecimento do jogo que Lena estava tentando jogar, mas não estava disposta a segui-la. Com um sorriso, ela permaneceu calada e colocou seu melhor rosto neutro.

A reunião entre as duas rivais já havia chamado a atenção de todos no escritório, distraindo-os dos seus trabalhos. Os olhos curiosos deles se entreolharam, enquanto se perguntavam se a reunião inesperada era sobre o Sr. Raymond.

Os sussurros começaram a ser ouvidos: "Quem você acha que é a intrometida no relacionamento? Ashley ou senhorita Lena?" .

"Quem você pensa que é? Não está claro o suficiente?" . "Parece que é a senhorita Lena!" , alguém disse, baixando a voz de propósito.

"Bem, ela é capaz, não é? Ela não é apenas filha do Sr. Spencer, mas a mãe do Sr. Raymond também a adora."

"Oh, ela definitivamente será a vencedora e ficará com o homem!" .

"Muito bem, já chega aí!" , alguém disse, com uma voz mais alta. "Temos que parar, ou teremos problemas se a senhorita Lena trouxer a mãe do Sr. Raymond."

O resto assentiu.

Enquanto as pessoas tinham medo da Lena, o que ela havia feito tinha alimentado seu descontentamento.

Infelizmente, Lena não sabia nada sobre isso.

...

Enquanto isso, no escritório da Lena.

Os lábios da Ashley continuaram a formar um sorriso. Ela e Lena permaneceram em silêncio.

"Que sorriso irritante", Lena comentou interiormente, tentando não mostrar nenhuma outra expressão no seu rosto.

Para ela, ela já era a vencedora do duelo por amor. No entanto, não conseguia entender como Ashley poderia ser tão contente. Era como se ela estivesse convencida do seu triunfo antes de encarar a triste realidade.

"Por que não nos narramos o velho?" , Lena sugeriu, sorrindo.

"Agora que nosso pai já expressou sua opinião, acho que preciso te lembrar de que somos, afinal, uma família. Não é assim, minha querida irmã?" .

Ashley manteve o sorriso.

No fundo do seu coração, no entanto, ela estava farta da Lena. 'Só Deus sabe o que ela está planejando fazer!' , ela pensou, com o coração batendo aceleradamente.

"Jantamos hoje à noite com o Sr. Chen do Grupo Chen. Venha conosco", sugeriu Lena. Para Ashley, não parecia um convite, mas uma armadilha.

'Então é isso que Lena está planejando!' , ela pensou, tentando descobrir os verdadeiros motivos da sua irmã. Alguns momentos antes da Ashley decidir falar finalmente.

"Desculpe", ela disse, com um sorriso ainda estampado no rosto. "Eu não posso ir. Estou planejando me demitir, talvez você encontre outra pessoa para te acompanhar."

"Renunciar?" , Lena ficou surpresa. Se essa decisão tivesse sido tomada mais cedo, ela ficaria feliz. Ag

ora, porém, essa decisão complicaria as coisas.

"Por que você quer sair do seu emprego? Você não está satisfeita com sua posição atual no Grupo Luo? Ou é por causa do salário?" , Lena perguntou.

Ashley estava tão tentada a revirar os olhos, mas fez o possível para não fazê-lo. 'Você com certeza é uma boa atriz', disse ela interiormente, mas ampliou o sorriso um pouco mais, só para provocar a irmã e respondeu: "Bem, ambas."

Lena se congelou. Ela sentiu a fachada se desmoronar depois de ouvir o que Ashley acabara de dizer.

"Ashley, o que você acha que é o Grupo Luo, um lugar onde você pode fazer e pedir o que deseja?" .

"Uau", comentou Ashley rapidamente, as sobrancelhas levantadas. "Tão rápido você parou de fingir?" O nojo que Ashley sentia estava além de tudo o que já havia experimentado antes, e continuou: "Você realmente se esforça ao seu pequeno personagem. Na verdade, quase pensei que éramos uma família adorável e amorosa."

"Eu não tenho idéia do que você está falando!" , Lena gritou, levantando-se da cadeira e batendo as mãos na mesa.

"Você sabe o quê, irmãzinha?" , Ashley respondeu, num tom irônico: "Não se preocupe. Se isso é tudo o que você ia me dizer, acho melhor voltar ao trabalho."

Mais uma vez, Ashley deu à irmã um sorriso mais doce e dirigiu-se para a porta. No entanto, antes de tocar no botão, Lena falou:

"Pare! Ashley!" O modo como Ashley estava tão calma sempre irritava Lena muito mais.

Era como se nada a machucasse, não importa o quanto tentasse arruinar sua vida.

"Ashley", Lena disse, com sua voz baixa e sinistra. "Não é incrível o quão bem a Sra. Luo me trata? Ela até me convidou para jantar. Você sabe, quando Raymond volta da sua viagem dos negócios", Lena levantou a cabeça arrogantemente.

"Ah, sério?" , Ashley respondeu com uma voz doce. Ela se virou para olhar para a irmã mais uma vez e disse:"Parabéns, irmã." Ela olhou Lena nos olhos sem se sentir afetada.

De alguma forma, diante da indiferença da sua irmã, Lena mudou do assunto: "Ashley, aprovarei sua demissão com uma condição: você se juntará a nós no jantar de hoje à noite com o Sr. Chen. Eu ainda sou sua chefe e você não tem escolha a não ser seguir minhas ordens", terminou Lena, olhando para Ashley. Ela estava orgulhosa de tornar a vida da sua irmã miserável.

Ashley levantou as sobrancelhas, com o rosto contorcido numa expressão confusa do desenho animado e respondeu: "Espere, você está dizendo que posso deixar meu emprego se prometer ir jantar hoje à noite?" .

"Sim!" , Lena respondeu, levantando as mãos no ar.

"Ellie também pode se demitir?" , Ashley perguntou, sem mudar sua expressão.

"Não há problema!" , Lena exclamou, mesmo que ela não gostasse da garota.

"Tudo bem então, vou contigo", disse Ashley, imitando um tom da derrota.

Lena ficou muito surpresa. Não podia acreditar na resposta da Ashley. 'O que está acontecendo?' , ela pensou, confusa:'pensei que seria uma longa conversa.'

"Senhorita Lena, posso me retirar agora?" , Ashley perguntou, interrompendo os pensamentos da sua irmã.

"Claro", disse ela, ainda incrédula. Ashley abriu a porta do vidro e saiu.

Enquanto ela observava a figura da sua irmã se afastar, Lena não precisava mais esconder suas más intenções. 'Você teve tanta sorte que conseguiu se livrar dos seus problemas da última vez ...' , ela sussurrou para si mesma, sorrindo e acrescentou:'Mas desta vez, não vai conseguir!' .

...

"Ashley! Você voltou! O que a senhorita Lena fez com você?" , Fiona correu para Ashley com pressa no momento em que voltou ao seu lugar.

"Nada!" , Ashley disse, sorrindo e balançando a cabeça.

"Bem, Fiona, volte ao trabalho ou você fará com que a bruxa volte!" , Ashley acrescentou.

Relutantemente, Fiona voltou ao seu lugar.

...

Durante o almoço, Ashley disse a Ellie: "Esvazie sua mesa mais tarde, não precisamos voltar ao trabalho."

"Lena aprovou sua demissão?" , Ellie perguntou animadamente.

"Sim, com certeza", respondeu Ashley, e continuou:

"Você também não precisa me esperar depois do trabalho. Lena e eu temos alguns problemas a resolver esta noite."

"Claramente, ela planeja fazer algo errado com você", Ellie respondeu, sua voz soando preocupada. "Você tem certeza que ficará bem sem mim?" , Ellie sempre cuidava da Ashley, agindo como uma irmã mais velha para ela.

"Não se preocupe, Ellie", Ashley respondeu num tom tranquilizador, acrescentando: "Não teremos nada a ver com o Grupo Luo depois desta noite. Nós podemos fazer o que quisermos!" .

"Ótimo!" , Ellie disse com entusiasmo.

Ouvindo a conversa, Fiona disse com a boca cheia de arroz: "Meninas! Não se esqueçam de me convidar para sua loja!" .

(← Atalhos teclado) Anterior Conteúdos (Atalhos teclado →)
 Novels To Read Online Free

Digitalizar o código QR para baixar o Lera.

Volte para Topo

Partilhas