Lera > Romance > Presa com o Colin

   Capítulo 2 Devemos chamá-la de Sopita

Presa com o Colin Por Verônica Costa Personagens: 9530

Atualizado: 2020-03-24 00:37


Para Sofía Lo, foi uma grande oportunidade poder fazer algo para a Wendy por tudo o que havia feito por ela. "Tia, por favor, não hesite em me perguntar o que você quer."

Ela faria tudo ao seu alcance.

"Bem, eu tenho dois filhos. O Colin, que é meu filho mais velho, completará trinta anos este ano. No entanto, ele ainda não encontrou a mulher ideal, alguém que possa cuidar dele.

Então, eu gostaria que você se casasse com o Colin. Quero que você esteja ao lado dele e cuide dele. "

A Sofia nunca esperava que o pedido da Wendy fosse de tal magnitude; casar-se com o filho mais velho.

"Tia, você deveria saber que eu não sei nada de cuidar da casa." Antes de a família Lo se desintegrar, a Sofia, apesar de não vir de uma família rica e poderosa, nunca teve a necessidade de fazer nenhum trabalho doméstico, pois era a princesinha mimada de seus pais.

"Isso não importa. Temos empregados domésticos que cuidam de todas as tarefas domésticas.

Então você não precisa de se preocupar com nada. " "Você tem a certeza que o Colin vai aceitar isso?" O desconforto da Sofia era evidente, pois ela não concordava com a idéia de contratar núpcias com um completo estranho.

"Sua opinião é o que mais importa. Ele é um homem tão difícil e perturbado, está prestes a completar trinta anos e nunca me apresentou uma única nora! Sofia, por favor, diga, se você aceita ou não. Se sua resposta for não, entenderei completamente seus motivos para não querer se casar.

Menina, não faça disso um dilema. " "Tia, por favor, me dê algum tempo para analisar a situação." A Sofia baixou a cabeça quando pronunciou essas palavras.

A Wendy saiu do quarto e deixou a Sofia sozinha ali para pensar sobre isso.

Enquanto isso, a Sofia foi até a janela e se inclinou ao peitoril da janela. A sala estava em silêncio, ela olhou pela janela e a silhueta de um homem veio à sua mente.

O homem disse-lhe: "Sofia, farei o meu melhor, e implorarei ao seu pai que nos dê sua bênção para que eu possa me casar com você no próximo ano, logo após me formar".

No entanto, aquele homem que prometeu que faria todo o possível para estar com ela, agora se encontrava nos braços duma outra mulher e era tudo por causa do poder.

Mesmo depois de ficar noivo da outra mulher, ele olhou para a Sofia e disse: "Não sinto nada por ela, a pessoa que realmente amo é você. Logo que tiver um emprego estável, vou pedir o divórcio. Espere por mim, por favor. "

E como tudo isso terminou?

A noiva dele, Dolores Lien descobriu que o homem com quem ela se casaria não a amava verdadeiramente, e que ele estava apaixonado por uma outra pessoa, a Sofia. Portanto, não foi uma surpresa que ela tivesse cruelmente tratado Sofia. No começo, Sofía sofreu todo tipo de humilhação por Dolores. No entanto, isso não era o suficiente para ela; portanto, para satisfazer seu ódio, ela planejava enviar a Sofia para a prisão junto com o amor de sua vida.

Os olhos da Sofia se fecharam. Gastou-lhe muito para conseguir finalmente suprimir todo o mar de emoções que sentiu no peito. Pronta para deixar de lado seu passado trágico, ela saiu do quarto diretamente para encontrar Wendy. "Tia, eu decidi, vou me casar com ele."

Alguns dias depois, o Colin voltou de sua viagem ao país Z.

Foi a primeira vez que o Colin e a Sofia se conheceram desde que, devido ao trabalho, ele se movera para os EUA.

Mãe da Sofia, a Julieta e a Wendy se tornaram amigas logo após o Colin se mover para os EUA.

Essa foi a principal razão pela qual eles nunca se conheceram antes.

O homem era alto e muito atraente. Traços característicos de Yonata, que o Colin herdou. Ao entrar, ele olhou para a Sofia e a cumprimentou com um aceno de cabeça.

A Wendy levantou a ideia de casamento ao Colin, e ele olhou para ela com o seu rosto cheio de choque e surpresa. "Mãe, você perdeu a cabeça? Você quer que ela se torne sua nora? "

"Sim, já enlouqueci!" A Wendy respondeu sem hesitar.

O Colin olhou atentamente para a Sofia. Parecia que seu olhar inspecionou a Sofia completamente, que imediatamente ficou desconfortável.

A Wendy, percebendo que o olhar preconceituoso do Colin e o desconforto da Sofia, lhe deu um tapa leve nas costas. "Seja respeitoso com ela!"

O Colin não se importava com as palavras de sua mãe, pelo contrário, caminhou em direção à Sofia, pegou seu queixo com a mão direita e a levantou como se estivesse apreciando um objeto. "Diga-me de onde é? Não acredito que você poderia ter feito uma lavagem cerebral na minha mãe. "

O Colin estava ciente de quão atraente ele era. Bem, da escola primária até hoje, inúmeras meninas e mulheres estavam atrás dele.

No entanto, a única mulher que conseguiu convencer sua mãe, não era nada mais e nada menos que a Sof

ia, mais ninguém.

"Sofía Lo, Sofía Lo, ou devemos chamá-la, Sopita?"

O Colin estava completamente convencido de que a Sofia tinha outras intenções de abordar a Wendy. E ele descobriria suas verdadeiras intenções!

Sofia corou depois de ouvir Colin zombando de seu nome. Ela apertou o punho e, com um movimento forte, afastou a mão do Colin do rosto.

O Colin retirou a mão, fingindo se machucar. "Oi? Mas que personagem! Você deveria saber que estou apaixonado por outra pessoa. Então você pode ir agora mesmo! Você entende o que estou dizendo? "

A Wendy ficou com dores de cabeça. Desde quando o Colin foi um conquistador? Desde quando ele ficou apaixonado por uma garota? Ela sorriu só de pensar nisso. O instinto da mãe nunca falhou. Se ele estivesse apaixonado, ela definitivamente saberia!

"Colin, se você não concorda em se casar, esqueça que você tem uma mãe, você não será mais meu filho de sangue!"

O Colin deu um sorriso enorme. "Como queira!"

Imediatamente a Wendy baixou a guarda, lembrando que era impossível convencer seu filho à força, nada melhor que o motivo para convencê-lo. Ela enxugou duas lágrimas falsas das bochechas. "Vá embora, eu não vou parar você. Por que eu tive que ser mãe de alguém tão imprudente? "

Na manhã seguinte, o Colin e a Sofia deixaram o Registro Civil, com a certidão de casamento em mãos.

A Sofia estava imersa em seus pensamentos, mas o som da campainha fez com que todas as memórias do passado desaparecessem e ela também retornasse à realidade.

O copo estava vazio, e não tinha nada dentro por muito tempo.

Então ela o colocou de lado e dirigiu-se à porta.

O Colin, que usava um terno elegante, estava do outro lado.

Ela olhou nos olhos dele, e a única coisa que ela podia perceber era antipatia.

"Senhor Colin." A Sofia o cumprimentou respeitosamente.

O Colin simplesmente a empurrou para fora do caminho, dirigiu-se para a suíte presidencial e se sentou no sofá. Ele olhou com cuidado e curiosidade para Sofia e perguntou a ela; "Sopita, por que você quebrou o contrato de cooperação com o clã Lien?"

Ao ouvir o Colin chamá-la tanto de Sopita, ela se acostumou com o ridículo que parecia.

"Senhor Colin, se você realmente deseja formar alianças e cooperar com o clã Lien, peça a uma outra pessoa para negociar com eles, por favor." Ela definitivamente não estava planejando fazer isso!

"Porquê? É a razão ... porque o representante dele é seu ex-namorado?" O Colin disse isso em um tom tão sarcástico, acompanhado por um gesto igualmente irritante. Ele conhecia o passado, a vida privada luxuosa de sua esposa.

O simples fato de Colin ter mencionado Paulo fez o olhar da Sofia se encher de frieza.

"Sim, e qual é o problema?" Naquela época, o Colin havia dado o cargo de secretária particular à Sofia, então ela estava encarregada de lidar com casos comuns de cooperação.

"Só porque ele a traiu e traiu sua confiança, você usou o SL para se vingar dele? Sofia Lo, como você pode fazer isso? " A postura indiferente do Colin, com as pernas na mesa de chá e sua voz gentil, dificultava a análise e o julgamento da Sofia.

A Sofia simplesmente se virou e foi até a cozinha. "Quer algo para comer?"

"Não, eu não me apeteço nada!" O Colin levantou-se do sofá e foi até a porta de saída.

Antes de sair, ele atirou algumas chaves para ela e disse, "Você já sabe o endereço da casa e aqui estão as chaves. Instale-se na casa e escolhe um quarto de que gosta. "

Acabando de falar, ele fechou a porta firmemente atrás dele e saiu o mais rápido possível tal como ele chegara.

Com amargura nos olhos, a Sofia olhou para as chaves no sofá. O casamento deles foi apenas por palavras.

Era muito provável que a Wendy tivesse forçado o Colin a dar à Sofia as chaves de sua casa.

Sem surpresa, a sogra da Sofia veio visitar sua nova casa do País Z, logo no segundo dia depois de ela ter mudado para ali.

A Sofia e o Colin ainda estavam na empresa a ter uma reunião quando a Wendy ligou para o telefone dela.

Parecia mais do que tudo, um seguimento do relacionamento deles. Quando saiu do trabalho, a Sofia estava voltando para casa quando o Colin exigiu: "Você não pensa em dizer algo fora do lugar quando estamos com minha mãe e hoje à noite você vai dormir no meu quarto!"

"Como você pede, senhor Colin!" A Sofia respondeu desinteressada e continuou dirigindo com cuidado.

Na casa, o pessoal do serviço estava preparando o jantar. A Wendy estava com um pouco de desagradecimento a ver o casal chegar.

"Mãe, você finalmente chegou!" A Sofia trocou os sapatos e deu as boas-vindas à Wendy com um sorriso no rosto.

A Wendy sorriu de volta, causando ciúmes no Colin. E ele murmurou que ela ainda não tinha sorrido para ele assim!

(← Atalhos teclado) Anterior Conteúdos (Atalhos teclado →)
 Novels To Read Online Free

Digitalizar o código QR para baixar o Lera.

Volte para Topo

Partilhas