Lera > Romance > Presa com o Daniel

   Capítulo 3 Não vamos voltar para casas até ficarmos bêbados esta noite!

Presa com o Daniel Por Verônica Costa Personagens: 7565

Atualizado: 2020-03-24 00:43


O Daniel Si viu as costas da Irene com o olhar perspicaz, pensando :"Muito bem! Irene, como é que ousa desafiá-me? Vai perder a sua vida!"

Então ele olhou para o Rafael, que ainda estava sorrindo, chutou o banco da frente do carro e ordenou furiosamente: "Dirija!"

De volta à mansão, a primeira coisa que a Irene fez foi chamar sua bisavó. "Bisavó, eu já me formei!" "Estou de volta!" A Irene disse, sentindo-se muito aliviada.

Do outro lado da linha, a Milanda Han ouviu a voz da bisneta, e ela estava tão feliz que não podia fechar a sua boca, mostrando até os últimos dentes: "Venha aqui. Deixa-me vê-la."

"Ok, bisavó. ! Vou agora." A Irene deitou sua bagagem na sala e, sem dizer uma palavra, pegou os presentes que havia trazido, e a chave do carro, entrando na garagem.

Mas antes de sair, ela olhou para o segundo andar e fez beicinho ao pensar em seus pais. Eles saíam e ficavam raramente em casa. Isto era realmente excessivo!

Na casa velha.

A Violeta Yang reformada estava brincando com seu neto de dois anos, o Joaquín Shao. Ao lado dela estava o Vicente Shao, que agora consolava a Milanda excitada, sua mãe.

"Nossa Irene é a mais amorosa de todas. Seu coração está cheio de muito amor e respeito pelos mais idosos. Mas eu não a vejo há mais de meio ano. Oh, eu senti tanto a falta dela. " A Milanda tinha mais de cem anos e sua saúde não era mais tão boa.

"Hmm, mãe, ela vem aí em breve. Acalme-se e tenha cuidado com sua pressão arterial ". Desde o ano passado, a pressão arterial da Milanda começou a subir gradualmente, e agora toda a família cuidava dela e de sua condição e a acompanhava em tempo todo.

Mais de dez minutos depois.

A campainha da sala tocou. A Violeta deu o neto ao Vicente e correu rapidamente para abrir a porta.

"Bisavó, avó! avô!" A voz agradável da Irene foi ouvida da porta. Segurando a bengala, a Milanda andava rápido, depois parou na porta da sala de estar.

"Oh, minha querida neta, senti tanto a sua falta!" A Violeta e a Irene se abraçavam.

"Estou, minha doce bisneta." A Milanda deitou a bengala no chão e foi até a Irene para cumprimentá-la.

A Irene colocou os presentes que havia trazido para a Violeta, correu para a Milanda e a abraçou: "Bisavó, não se apresse. Estou aqui agora! "

"Irene, deixe-me vê-la. Oh, você é mais alta e mais bonita, assim como sua mãe. Você é linda!" A Milanda acariciou os cabelos da Irene e olhou com amor para sua bisneta, que havia crescido tão rápido.

"Bisavó, eu não sou tão bonita quanto minha mãe. Se fosse, pai ignoraria completamente mãe. Olhe para este pobre criança. Deveria ter sido abandonado novamente! " Ela apontou para o irmãozinho, que estava nos braços do Vicente. O Joaquin olhou para a irmã mais velha na frente dele com uma expressão familiar, mas ao mesmo tempo intrigada.

O Vicente riu: "Não entenda mal seus pais. Estamos em casa e não temos nada para fazer, por isso nos voluntariamos para cuidar de Joaquín. " Eles não poderiam estar mais felizes que seu filho e nora estavam tendo um bom relacionamento!

"Ok, ok, venha aqui, querido. Deixe-me te abraçar. " Segurando o irmãozinho nos braços, a Irene suspirou e pensou em como o relacionamento dos pais era tão bom. Mamãe tinha mais de quarenta anos e ainda estava pronta para dar outro filho ao pai.

O Joaquin então beijou a Irene no seu rosto. Ele lembrou que era sua irmã, que muitas vezes conversava em vídeo chamada com sua bisavó. "Irmã".

A Irene riu e o beijou de volta em seu rosto terno. "Olha querido, veja o que eu trouxe para você. Um brinquedinho. "

Mais tarde, o Gerardo Shao voltou para casa.

A família inteira se divertiu, rindo e conversando na sala de estar.

Antes de jantar, a Irene não voltou para casa. Ela foi ao local onde combinou

com a Sally em se encontrar.

No grupo SL.

Desde que o Daniel assumiu os negócios do Grupo, ele reconstruiu o prédio, que parecia ser um lugar mais esplêndido e magnífico do que era antes.

Seu escritório executivo, localizado no 88º andar, era ainda mais elegante e luxuoso.

A Sally Si abriu a porta e entrou no escritório de centenas de metros quadrados.

Ela deu alguns passos e depois apanhou seu irmão o Daniel, que estava trabalhando: "Deniel, saia comigo esta noite."

O Daniel largou a caneta, olhou para sua irmã travessa e, por um momento, viu a sombra de outra mulher que provou ser tão travessa e teimosa quanto a Sally.

"Para onde você quer ir?"

A Sally sorriu misteriosamente: "Você saberá!".

Ele tinha que cumprir uma missão para sua mãe, e havia um belo presente para ela se ela cumprisse sua missão, e é claro que Sally trabalhou duro para alcançar seu objetivo até o fim.

"Estou ocupado com outras coisas." Com apenas algumas palavras, o Daniel continuou trabalhando.

"Daniel, você está totalmente entediado! Você tem apenas 25 anos! Por que você está agindo como um homem mais velho? " A Sally usou a boca com descontentamento.

O Daniel olhou para ela: "Você também tem 25 anos e está prestes a se casar com o Gerardo. Por que você agia como uma criança? "

Casar? Ela não queria se casar. A Sally sorriu e disse: " Daniel, vamos lá. Nos encontraremos com Gerardo, Gonzalo, Irene, Selina ... "

A Irene? Daniel lembrou-se da cena de hoje e largou imediatamente a caneta: "Vamos lá!"

A Sally estava contando as pessoas desta noite. Ela parou quando ouviu isso. O irmão dela mudou de idéia tão rapidamente!

No bar SOHO.

Na sala privada 666, o Gonzalo Si estava abrindo cervejas, vinho tinto e licor.

A Irene se encostava nos ombros da Selina Bo e disse: "Selina, senti tanto a sua falta."

A Selina Bo pegou dois copos de bebida na mesa e colocou um deles na mão da Irene: " Irene, não vamos voltar para casa até ficarmos bêbidas esta noite!"

"Muito bem!" Depois que ela aceitou imediatamente, a porta se abriu. O Daniel e a Sally entraram.

Depois da Irene olhou para o Daniel friamente, os outros se cumprimentavam.

Depois de cantar e dançar alegremente,a Irene olhou para a Sally e disse: "Sally, estamos prestes a brindar. Você brindará conosco? " Ela segurava um copo de 50 gramas de licor e serviu na frente da Sally.

O Gerardo pegou o licor da irmã: "Ok, meninas, parem de fazer isso. Vocês três devem beber um pouco de vinho tinto ou duas cervejas. "

No momento em que a irene estava prestes a aceitar, a Sally pegou o copo dd Gerardo de volta e deu um tapinha no ombro dele: "Não se envolva nos assuntos das mulheres".

"Sally!" A voz severa do Daniel foi ouvida na sala.

Ouvindo o tom severo de seu irmão, Sally sabia que ele estava com raiva e ela cedeu desta vez. Quando ela largou o copo, a Irene peguei o corpo de licor e disse: " Gerardo, vocês bebem de vocês e nós bebemos de nós. Ninguém se importa com ninguém! "

Apesar dos olhares indefesos de Gerardo, as três garotas brindaram seus copos de bebidas na frente deles.

A Sally estava prestes a beber seu copo quando o Daniel o removeu da boca.

A Irene já tinha tomado um gole e, seus olhos ficaram imediatamente vermelhos e sua garganta começou a arder de raiva. "Opa, eu não tomo uma bebida há tanto tempo. Agora não posso controlar beber apenas um gole disso. "

Ela queria ver a reação da Selina, mas a encontrou, segurando o copo e olhando para a Sally.

Percebi que o Daniel havia levado o copo da Sally.

Humph! "Sr. presidente, você é um desemancha-prazeres!" Depois de provocar o Daniel com um tom de voz estranho, ela pegou o copo da Selina e disse: "Você não deveria beber, você tem apenas 18 anos".

(← Atalhos teclado) Anterior Conteúdos (Atalhos teclado →)
 Novels To Read Online Free

Digitalizar o código QR para baixar o Lera.

Volte para Topo

Partilhas